sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

Feliz 2016!


Feliz ano novo!


E, com o nascimento de um novo ano, também renasce em nós a esperança de um ano com chuvas regulares, para trazer de volta a alegria nos corações de todos os sertanejos e nordestinos!



Apesar de o nosso semiárido estar atravessando a maior estiagem dos últimos 100 anos, e as previsões climáticas indicarem que esse novo ano, continuará sem chuvas;mas em nós renasce a esperança ,e acredito que 2016 será um ano com boas chuvas.
Já na última semana de 2015, as chuvas começaram a cair em várias regiões do semiárido nordestino, e já começam a mudar o aspecto da caatinga.



As minhas queridas abelhas nativas; por serem adaptadas ao rigor climático, conseguem sobreviver coletando néctar e pólen nas plantas que florescem nessa época de estiagem: Juazeiro, quixabeira, imbuzeiro, pereiro, mufumbo e a algaroba, que não é nativa, mas é bem adaptada a região nordeste.




Quando as chuvas caírem em maior quantidade, eu vou aumentar a quantidade de plantas para fornecimento de pasto apícola, para as abelhas nativas: Moringa, mutre, amor-agarradinho, ora-pro-nóbis e maniçoba.

Essas plantas são bem adaptadas ao clima da região nordeste, e com um sistema de irrigação por gotejamento, conseguem produzir bem durante boa parte do ano, garantindo uma maior segurança para as multiplicações que pretendo retomar.




Desejo à todos os meus amigos,um 2016 abençoado e cheio de boas realizações!



Abraço a todos!
Paulo Romero.
Meliponário Braz.







Postar um comentário